16/06/2016

Conheça as vantagens do consórcio imobiliário


Para quem tem dificuldade em financiar a compra de um imóvel, o consórcio pode ser uma boa alternativa. Esta modalidade de compra tem crescido no país nos últimos anos, devido ao cenário econômico em queda e às restrições a financiamentos impostas pelo governo. Como ele funciona?
O consórcio é uma operação simples: a administradora do consórcio forma grupos com um interesse comum (neste caso, a aquisição de um imóvel), e para participar do grupo é preciso comprar uma cota e pagar as mensalidades em dia. O montante mensal arrecadado é usado para a compra de um imóvel. Quem do grupo vai comprar? Mensalmente é feito um sorteio para saber quem vai levar a carta de crédito. Também é possível dar lances (pagar um valor mais alto) para se antecipar ao sorteio e levar a carta. Quem der o lance maior, fica com ela. Em geral, os consórcios destinam mensalmente cartas para serem sorteadas e outras para os lances.

Confira nos itens a seguir as vantagens que os consórcios oferecem:

Sem entrada
No consórcio, não é preciso pagar uma entrada. Ao contrário do financiamento, que depende de um pagamento à vista de uma entrada razoável, no consórcio isso não é preciso. Basta comprar uma cota e você já estará participando do grupo.

Uso do FGTS
Você pode usar o seu FGTS para a compra do imóvel via consórcio, mas há algumas condições para isso: a cota adquirida deve estar no mesmo nome do trabalhador, o comprador não pode ter outro imóvel ou comprar um novo na mesma região em que está sendo feito o consórcio, e ele precisa ser beneficiado pelo FGTS por 3 anos, ainda que por empresas diferentes.

Você pode participar ainda que esteja negativado
Está com o "nome sujo"? Mesmo assim você pode entrar no consórcio, ir pagando as mensalidades, e só quando você for sorteado ou quiser pegar a carta de crédito por um lance o seu nome será avaliado. Até então, você tem tempo de regularizar a sua situação financeira. No financiamento, se seu CPF está sujo, o crédito não é aprovado.

Construção e reforma
Pouca gente sabe, mas você pode usar a carta de crédito para pagar a reforma de um imóvel ou a sua construção. Não é obrigatório usá-la para a compra de um imóvel.

Taxas menores
Os juros altos são uma das maiores causas que espantam as pessoas do financiamento. Consórcios não dependem de taxas de juros. Apenas são cobradas taxas administrativas, que variam de consórcio para consórcio. Pesquisa a mais vantajosa entre elas. Você verá que o valor pago no total é muito inferior aos valores totais do financiamento imobiliário.


Em resumo, se você não tem urgência em adquirir seu imóvel, o consórcio é, sem dúvida, muito mais vantajoso que o financiamento. Em termos de custo, isso é incomparável. Muda apenas a rapidez do acesso ao bem. No financiamento, uma vez aprovado o crédito, você já pode comprar o imóvel. No consórcio, é preciso esperar o sorteio ou dar um lance. Mas se você tem um capital guardado para dar um lance alto, isso agiliza muito mais o acesso à carta de crédito.


(Fonte: Blog Provectum Imóveis)
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários: